Mirra Mirra (Oman, Somaliland, Ethiopia)

Location:
Oman, Somaliland, Ethiopia

Por que a Somalilândia?

A espécie Commiphora myrrha é nativa da Somalilândia, onde tem sido colhida por gerações.

Mirra

Mirra Commiphora myrrha

Como funciona? A Mirra é nativa de regiões da África e do Oriente Médio e tem sido valorizada e estimada desde a antiguidade. Ao longo da história, a Mirra tem sido usada como perfume, incenso e para fins medicinais.

O óleo essencial de Mirra vem da destilação a vapor da resina da pequena e espinhosa árvore de Mirra. A árvore tem ramos robustos, angulosos, espinhosos e com poucas folhas. A resina vem da seiva da árvore, que endurece e seca na forma de uma resina brilhante de cor âmbar, que escurece com o tempo. Para obter a seiva, os colhedores fazem cortes na árvore, o que faz com que ela libere a seiva ou goma cerosa. Os cortes são controlados para assegurar que as árvores permaneçam saudáveis e possam se desenvolver por muitos anos.

Pagamentos Justos e com Pontualidade e Compromisso e Responsabilidade Ambiental

Nossa iniciativa de Fornecimento por Coimpacto proporciona aos colhedores da Somalilândia salários justos e pagamentos em dia (inclusive pré-pagamentos em alimentos e dinheiro, espalhados ao longo do ano), ao evitar os vários níveis de intermediários e, em vez disso, trabalhar diretamente com aqueles que colhem e separam a resina. Esse arranjo proporciona uma renda muito mais estável e confiável para os colhedores.

Healing Hands

Os líderes de clãs em Uurwayne, na Somalilândia, uniram-se com o objetivo de proporcionar educação para seus filhos. O Healing Hands dōTERRA conseguiu ajudar os esforços deles doando para uma escola construída para meninos e meninas, de 7 a 12 anos, com aulas noturnas para crianças mais velhas. Aproximadamente 120 crianças de 16 aldeias frequentam a escola, que tem sido um grande sucesso. Uma escola adicional de quatro salas de aula foi construída para ajudar mais 100 alunos de outras regiões, aumentando o acesso à educação.

Comentários

0 Comentários

Adicionar à conversa

  • Filtrar comentários por:

Por favor faça o login para comentar

Conecte-se
Publicar comentário

Esse artigo foi útil?