Melaleuca Melaleuca (Kenya)

Location:
Kenya

Por que a Austrália?

A Melaleuca é nativa da Austrália. Desenvolve-se muito bem em condições de bastante sol e solo úmido. Na Austrália, a Melaleuca cresce durante toda a primavera, o verão e o outono.

Por que o Quênia?

Algumas regiões do Quênia proporcionam condições de cultivo semelhantes às da Austrália, que permitem que a Melaleuca se desenvolva bem. Ao obtermos uma parte de nossa Melaleuca do Quênia, apoiamos pequenos agricultores em áreas rurais do país, e ao mesmo tempo conseguimos o óleo essencial da melhor qualidade.

Melaleuca

Melaleuca Melaleuca alternifolia

Como funciona?

A árvore de Melaleuca é sempre-verde e arbustiva. Tem sido usada tradicionalmente para fins de saúde pelos aborígines australianos, e no início da Segunda Guerra Mundial a maioria dos membros do exército australiano carregava um pequeno frasco de óleo essencial de Melaleuca consigo. O óleo essencial vem da destilação a vapor das folhas.

Os cangurus percorrem soltos a plantação de Melaleuca australiana. As árvores crescem da primavera ao outono, e a colheita é realizada só nos meses de inverno para maximizar a época de cultivo. As mesmas árvores podem ser colhidas todo ano porque rebrotam, ou começam a crescer de novo, de 3 a 6 semanas após a colheita. Devido ao processo de colheita sustentável, depois de 18 anos de funcionamento, a plantação da Austrália continua a aumentar em saúde e produtividade, nos mesmos campos de Melaleuca.

Assegurar o Compromisso e a Responsabilidade Ambientais

Nenhuma parte da árvore é desperdiçada no processo de produção do óleo essencial de Melaleuca. Tanto na Austrália como no Quênia, a biomassa das árvores tratadas com vapor é aplicada de volta ao campo para prevenir o crescimento de ervas daninhas e disponibilizar importantes nutrientes para o solo.

História do Healing Hands

O dōTERRA Healing Hands financiou numerosos projetos no Quênia. Isso inclui a construção de mais salas de aula e banheiros na Escola Fundamental Kiwegu; a construção de uma biblioteca escolar, armazenamento de água, uma sala para funcionários, banheiros, residências de professores e uma varanda para alunos na Escola Fundamental Mwamose (bem como apoio a bolsas de estudo); a construção da Ponte sobre o Rio Mwena, que permite acesso por sobre o rio à comunidade e aos alunos; a construção do Jardim da Infância de Majengo Mapya; a construção de um centro comunitário; o TICAH — treinamentos sobre cultura nativa e saúde para 2.000 crianças em idade escolar; o Colobus Conservation — educação e reflorestamento de árvores nativas; o Ponto de Abastecimento de Água de Mwamose, que é um poço comunitário e uma caixa d’água elevada; e o Fundo Fiduciário de Manutenção Hídrica, que realiza pesquisas contínuas e faz a manutenção dos recursos hídricos da comunidade.

Além das doações do dōTERRA Healing Hands, estabelecemos um Fundo de Desenvolvimento Comunitário no Quênia. A cada quilo de óleo essencial produzido por suas cooperativas agrícolas, uma parte da receita é separada para um fundo administrado pelas próprias cooperativas para financiar projetos de desenvolvimento mais vultosos, a seu critério.

Comentários

0 Comentários

Adicionar à conversa

  • Filtrar comentários por:

Por favor faça o login para comentar

Conecte-se
Publicar comentário

Esse artigo foi útil?